Home Insights Histórias de sucesso Mineração e refino de metais Chinalco Mineração reduz o tempo de inatividade durante a troca de revestimento de moinho SAG
Voltar para Mineração e refino de metais
nov 4, 2020

Chinalco Mineração reduz o tempo de inatividade durante a troca de revestimento de moinho SAG

A empresa mineira Chinalco Peru SA confiou na Metso Outotec para realizar a troca de revestimentos de seus moinhos SAG1. A troca se deu em 84 horas, um sucesso já que estava planejada para 96 horas, 14% mais rápido e sem acidentes reportados. Um tempo impressionante em tempos de redução de tempo de inatividade, especialmente no contexto atual da pandemia do Covid 19.

 A Chinalco Perú SA opera no Perú desde 2007. Criada para construir, desenvolver e operar um mega projeto de cobre Toromocho e é uma das empresas mais importantes da China Cooper, é a maior empresa estrangeira de propriedade total da Chinaldo. Está localizada no Distrito de Morococha e Yauli em Peru e tem trabalhado com a Metso Outotec durante 9 anos.

Uma missão difícil em um momento complicado no mundo

Chinalco se propôs a melhor a efetividade de seus moinhos evitando paradas desnecessárias e fazendo suas operações serem mais rentáveis. Chinalco recorreu a Metso Outotec para desenhar um plano estratégico baseado nas necessidades da mineradora e para trocar os revestimentos metálicos do moinho.

O plano inicial era que o tempo total de trabalho fosse de 96 horas para completar a troca do revestimento. Porém a troca terminou em 84 horas e resultou em uma economia de 12 horas do tempo de produção. Este resultado foi de grande benefício para Chinalco, já que o cliente pode dar atenção a outras tarefas como ao controle de padrões de segurança e qualidade das atividades secundárias do moinho.

Para a segurança, os desafios vieram acentuados pelas crises de saúde global provocada pelo Covid-19. Tiveram novos desafios de operação vinculados as medidas sanitárias incorporadas pela mineradora Chinalco a fim de proteger seus empregados e evitar a propagação dos vírus. Além de incorporar novos processos de segurança, a Metso Outotec estava decidida a cumprir sua promessa não apenas de cumprir prazos propostos pelo cliente como para fazer com zero acidentes. Apesar dos prazos desafiantes, os resultados foram extremamente positivos e sem acidentes durante a rápida troca de revestimento. Chinalco reconheceu o trabalho realizado pela Metso Outotec pelo segundo ano consecutivo a nomeou como seu fornecedor de melhor desempenho em termos de segurança, referente ao serviço de troca de revestimentos do moinho SAG1.

Trabalhar em equipe para obter resultados

Outro ponto de destaque é que durante a execução da operação, a Metso Outotec necessitava trabalhar em conjunto com outro parceiro estratégico da Chinalco que estava realizando outra atividade crítica no mesmo moinho. A Metso Outotec teve que sincronizar os planos de trabalho com o objetivo de não gerar demoras adicionais ou riscos de segurança para nenhum dos empregados envolvidos na parada.

Para o cliente, este trabalho em equipe entre Metso Outotec e seu outro parceiro foi extremamente benéfico, já que puderam realizar duas atividades críticas em paralelo e no mesmo moinho. Isto resultou em uma redução de tempo de inatividade e o bom trabalho em equipe entre seus parceiros estratégicos ajudou ambos a cumprir com seus altos padrões.

 

Finalmente, Metso Outotec demostrou a capacidade professional de sua equipe local com sua capacidade para complementar seu trabalho com outro sócio estratégico. Isto facilitou o alcance dos objetivos da Chinalco enquanto evitou tempos de inatividade e sempre assegurando a saúde e segurança de todos os empregados como prioridade.

”A economia de tempo gerada com esse serviço significou um grande aporte no plano completo da parada da planta, contribuindo para otimizar a rota crítica e direcionando esforços desde as atividades em sistemas periféricos do moinho e no controle de padrões de segurança e qualidade”, afirmou Alex Salvador, Gerente Sênior, Serviços de Campo & LCS Peru & North.

Em busca da melhoria contínua

Uma consideração chave tanto para Chinalco como para Metso Outotec é que ambos os grupos sempre estão buscando formas de melhorar os tempos necessários para realizar trocas. O sólido desempenho na parada do moinho SAG também se baseou nos esforços anteriores. Em 2018, realizou-se un SMED (Troca da Matriz em Menos de 10 minutos ou análise de tempo e movimento) com o objetivo de identificar as tarefas que estavam causando demoras, com o fim de evitá-las. O estudo SMED de 2018 envolveu equipes da Metso em nível global e local e conseguiu identificar várias áreas de melhorias.

Voltar para Mineração e refino de metais

Entre em contato com nossos especialistas

Mineração
Refino de metais
Selecione sua área de interesse acima.
Seus dados estão seguros. Veja nossa Política de privacidade para maiores detalhes.
Obrigado!
Nós entraremos em contato em breve. Você só poderá enviar uma nova solicitação após 15 minutos.
Entre em contato